Correio Feirense - O portal de Notícias de Feira de Santana - Bahia

OFERECIMENTO

Robson Conceição vence americano em estreia no boxe profissional

Publicada em 07/11/2016 ás 09:32:45

Robson Conceição

Mais um triunfo na conta do baiano Robson Conceição. Depois de conquistar a medalha de ouro nos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro, o primeiro brasileiro a conquistar o feito, Robson Conceição escreveu com mais uma vitória o seu início no boxe profissional. Na noite deste sábado, o baiano de Boa Vista de São Caetano encarou o norte americano James Clayton Burns, na cidade de Las Vegas, nos Estados Unidos. O duelo fez parte da preliminar do evento que teve como atração principal o filipino Manny Pacquiao contra Jessie Varga.

Robson começou bem o duelo e conseguiu conter os ataques do americano com bons movimentos. Após os seis rounds programados, a luta terminou com triunfo do baiano por 60 a 54. A exibição foi a primeira de Robson Conceição como profissional. Aos 28 anos, ele encerrou a carreira de amador logo após a conquista do ouro no Rio de janeiro. Já James Clayton conta com um cartel modesto de apenas quatro vitórias, duas derrotas e dois empates.

Logo após a luta, Robson usou as redes sociais para comemorar a vitória. "Mais uma vitória, agora como profissional! Muito obrigado pela força de vocês. É Brasil, Boa Vista de são Caetano!!", escreveu ele, lembrando do bairro onde mora.

Conselhos de Esquiva
Para conquistar o duelo, Robson Conceição contou com os conselhos de outro medalhista olímpico que atualmente está no boxe profissional. Medalha de prata em Londres 2012, Esquiva Falcão passou tranquilidade para o baiano na véspera do duelo. Ele e o irmão, Yamaguchi, se mudaram para os Estados Unidos e se dedicam ao esporte. Falcão já disputou 15 lutas como profissional e está invicto.


“O conselho que dou é ir bem tranquilo. Experiência de luta, ele tem. É só saber o momento de encaixar o primeiro golpe. Deixar passar o primeiro e o segundo round para sentir a adrenalina da luta e, se tiver a chance, derrubar no terceiro. Não deixar chegar para os juízes, não correr nenhum risco. Se pintar o momento de nocautear, nocauteie”, aconselhou Falcão, em entrevista à Ag. Fight.

Informações do CORREIO 24 HORAS foto: Getty Images
 

Autor/ Créditos: Redação