Correio Feirense - O portal de Notícias de Feira de Santana - Bahia

OFERECIMENTO

Identidade Jovem deve contemplar 55 mil feirenses

Publicada em 16/06/2017 ás 08:51:35

Identidade Jovem

 Programa de incentivo à cultura, esporte e acessibilidade territorial, o Identidade Jovem (Id Jovem) deve contemplar cerca de 55 mil feirenses com idade entre 15 a 29 anos e com renda familiar de até dois salários mínimos. A iniciativa do Governo Federal em parceria com o Governo Municipal, através da Secretaria de Desenvolvimento Social (Sedeso), foi apresentada à comunidade, na tarde desta quarta-feira, 14, durante solenidade no auditório do Colégio Modelo Luiz Eduardo Magalhães.

O Id Jovem é um aplicativo para smartphones que concede vantagens para os jovens terem acesso à meia entrada em cinema, meia entrada em teatro, meia entrada em shows, meia entrada em eventos esportivos, além de duas vagas gratuitas em viagens interestaduais e mais duas vagas com 50% de desconto em viagens interestaduais.
 
Para ter acesso ao benefício, o candidato deverá possuir o NIS (Número de Inscrição Social), que pode ser cadastrado em um Centro de Referência em Assistência Social (CRAS) ou na sede do programa Bolsa Família, à rua Castro Alves.
Durante o lançamento oficial do programa na cidade, o secretário nacional da Juventude, Francisco de Assis Costa Filho, ressaltou a preocupação do governo em promover a acessibilidade de jovens à cultura, esporte, lazer e transporte para conhecer o país, como ferramenta eficaz para transformar a sociedade e garantir um futuro melhor para todos, enfrentando assim a criminalidade.
 
Já o secretário da Sedeso, Ildes Ferreira, destacou a facilidade para os jovens terem acesso ao Id Jovem, se cadastrando no NIS (Número de Inscrição Social), em um Centro de Referência em Assistência Social (CRAS) mais próximo de sua casa ou mesmo na sede do programa Bolsa Família. “O NIS funciona como um guarda-chuva que dá acesso a muitos direitos sociais”, informou.
 
Enquanto isso o vereador Cadmiel Pereira enfatizou a satisfação da presença de um representante do Governo Federal na cidade. “É bom ter um representante de Brasília em Feira de Santana para ver os avanços e necessidades que temos de avançar ainda mais. As transformações sociais só se dão com a garantia de direitos, de educação digna de qualidade, esporte e lazer”.
A mesma opinião é da representante do Conselho de Participação de Comunidades Negras e Indígenas, Lurdes Santana. “A maioria da população de Feira de Santana é formada por jovens e idosos e este programa é muito bom para nosso município”.
 
E o representante do Conselho Municipal da Juventude, Cristiano Queiroz, enfatizou a necessidade de afinar ainda mais as políticas voltadas para a juventude, trazendo as articulações para Feira de Santana.
 
Por sua vez a coordenadora do Conselho da Juventude de Conceição do Coité, Vanuza Carvalho, ressaltou a expectativa dos jovens aproveitarem estas conquistas, segundo a qual são fruto de lutas sociais travadas nos últimos 10 anos. Opinião também idêntica a de Mateus Novaes, que esteve representando o município de Vitória da Conquista.
 
Ainda estiveram presentes compondo a mesa de honra a presidente do Conselho Municipal da Criança e da Juventude, Maria Regis, e o coordenador do programa na cidade, Geovanny Ferreira.
 
Autor/ Créditos: Jorge Magalh�es

 

Leia Também