Correio Feirense - O portal de Notícias de Feira de Santana - Bahia

OFERECIMENTO

Dupla morta em confronto participou da explosão do caixa eletrônico na SMS de Feira, diz coordenador

Publicada em 28/09/2017 ás 22:02:20

 Os dois homens que morreram após um confronto com policiais militares no município de Feira de Santana, na noite desta quarta-feira (27/09), participaram do ataque a um caixa eletrônico na sede da Secretaria de Saúde (SMS) do município, há 15 dias. As informações foram divulgadas pelo delegado Roberto Leal, coordenador regional de polícia (1ª Coorpin).

A morte dos suspeitos aconteceu após os policiais avistarem o veículo Prisma, placa JPY-2958 em atitude suspeita e no momento em que os policiais tentaram realizar uma abordagem eles foram recebidos a tiros e revidaram. Roberto Leal afirmou que o veículo encontrado com os suspeitos o mesmo utilizado na ação da secretaria de saúde.
 
Segundo o coordenador, eles já estavam sendo investigados após a explosão do caixa eletrônico. Ainda segundo o delegado, Jadison Almeida Santos e Robson da Silva Dias se preparavam para assaltar uma agência bancária da cidade, quando se envolveram na troca de tiros com os policiais. Os agentes chegaram até os suspeitos após receberem denúncia anônima sobre o plano do assalto. Eles foram surpreendidos quando estavam no carro.
De acordo com a polícia, a dupla tinha histórico de assalto a bancos. Com eles foram apreendidos armas e munição, como uma espingarda, três fuzis, carregadores para fuzis, três coletes à prova de balas, além de outros materiais.
 
O ataque ao caixa eletrônico que ficava na sede da Secretaria Municipal de Saúde de Feira de Santana, localizada na Avenida João Durval, no centro da cidade, ocorreu na madrugada do dia 12 de setembro.
 
E conforme relatos de prepostos da Guarda Municipal, cinco homens chegaram em dois carros e explodiram o equipamento. Um vigilante que estava no local se escondeu na recepção para evitar ser descoberto pelos bandidos. A ação durou cerca de 10 minutos.
A estrutura de uma escada próxima ao caixa foi destruída. A frente do caixa eletrônico foi parar a 15 metros de distância. Portas e janelas foram danificadas. O valor levado pelos criminosos também é desconhecido. A polícia não informou se já identificou os outros envolvidos na ação.
 
Autor/ Créditos: Jorge Magalhães

 

Leia Também


17/Outubro/2017 ás 20:37:28